Arquivo da categoria: ÊNCLISE PRÓCLISE

COLOCAÇÃO DOS PRONOMES OBLÍQUOS ÁTONOS NOS TEMPOS COMPOSTOS

Nos tempos compostos o pronome oblíquo átono pode juntar-se ao verbo auxiliar, em próclise, mesóclise ou ênclise, como também pode ser colocado antes do particípio, juntando-se a este. Jamais se coloca o pronome oblíquo átono depois do particípio. Exemplos:

O escrivão o tinha avisado.

Os irmãos tinham-se formado em medicina.

Ter-lhe-ia sido decepcionante o presente do major?

Soube depois que Rosália teria se formado em geografia.

Anúncios

“QUE” e “SE”

                                                                      VANRAZ

DICAS DE PORTUGUÊS

Pronome relativo atrai pronome oblíquo. “QUE” atrai “SE”

“Há pessoas, que se tornaram frias após a guerra.

Na frase do exemplo, “que” é pronome relativo -refere-se a “pessoas” e equivale a “os quais”. Pronomes relativos atraem pronomes oblíquos para antes do verbo (próclise).

Escreva “que se tornaram”, não “que tornaram-se”.

 https://vanraz.wordpress.com/